competição saudável

A importância da competição saudável nas empresas

É fato que o ser humano é competitivo por natureza. Temos a necessidade de nos sentirmos importantes e de ter nossos esforços reconhecidos. No meio corporativo se tornou essencial aliar essa necessidade à gestão de funcionários, o que afirma a importância de criar um ambiente competitivo dentro das empresas.

Muitos empresários se preocupam apenas com a competição externa, mantendo o foco somente nos concorrentes e no mercado. Eles se esquecem da importância da competição saudável entre os funcionários. Esse assunto interessa a todos os bons gestores. Afinal, é essa competição que pode trazer bons resultados e colaboradores cada vez mais dedicados.

A necessidade de alcançar metas de produtividade e vendas faz parte das organizações. Mas para conseguir manter uma equipe motivada é preciso ter cautela. A boa aplicação da competição saudável dentro das empresas exige metas definidas e regras claras, além do reconhecimento do esforço dos colaboradores com melhor desempenho ao fim de cada período de disputa. A melhor maneira de obter bons resultados é fazer com que a equipe trabalhe mais, melhor e com vontade. Afinal, os lucros da empresa dependem diretamente da dedicação dos funcionários.

Competição saudável x Competição agressiva

É muito importante enxergar a linha que divide a competição saudável da competição agressiva. A primeira incentiva o colaborador a buscar sempre bons resultados e permite que ele mostre seu trabalho, o que incentiva a equipe e aumenta o nível dos demais profissionais. A empresa estimula cada um dos funcionários a alcançar e superar suas próprias metas e deve sempre reconhecer e recompensar o bom trabalho do colaborador através de premiações. Quando o gestor consegue incentivar uma disputa saudável, ela se torna lucrativa para os negócios. Já a competição agressiva instala um ambiente de pressão que desmotiva os colaboradores. Pressionar a equipe para sempre obter melhores resultados, sem que seus esforços sejam reconhecidos e sem que os funcionários com os melhores desempenhos se tornem exemplo para os demais, não torna a competição lucrativa.

O papel da gamificação na competição saudável

A gamificação surgiu como uma ferramenta para engajar as equipes através da competição saudável. As empresas buscam constantemente aumentar suas vendas e com a gamificação. Já utilizada por grandes companhias, ela permite criar uma atmosfera de descontração ligada ao planejamento e metas a serem alcançadas e promove a constante motivação das equipes. Como uma excelente maneira de ver resultados e ser visto, permite a superação dos objetivos organizacionais e pessoais dos funcionários e o aumento do nível de comprometimento dos colaboradores.

Gostou? Leia também os nossos e-books.

Deixe um comentário