liderança e motivação

Como criar ambiente de liderança e motivação na sua empresa

Atualmente, as pessoas passam a maior parte do dia dentro do ambiente de trabalho e interagindo com seus colegas. Isso faz com que a equipe seja, de certa forma, uma segunda família. Como gestor, você precisa manter esse grupo unido com um trabalho diário de liderança e motivação!

Claro, falar é fácil, mas nem sempre é tão simples de fazer. Muitos gestores já tomaram diversas atitudes ruins com relação à equipe, acreditando que seria o melhor para a empresa. Na verdade, uma equipe sem motivação tende a render bem menos que a média, e o seu papel de líder é fundamental para mantê-la engajada.

Para ajudar nessa tarefa, trouxemos aqui algumas dicas práticas de liderança e motivação que você pode adotar no seu dia a dia. Confira:

Exercite a comunicação com toda a equipe

Da mesma forma que o diálogo é importante em uma família, ele é fundamental para o funcionamento de uma equipe. Se os seus membros não se comunicam de forma livre e eficiente, é bem provável que percam informações no meio do caminho, além de haver mais espaço para discussões por causa de mal-entendidos.

Estimular a troca entre todos é um passo muito importante para uma boa liderança. Coisas simples, como uma reunião informal, podem ajudar bastante. Você mesmo já deve ter notado que trabalha melhor com pessoas com quem já tem um relacionamento do que com estranhos.

Seja flexível quando necessário

Promover liderança e motivação na sua equipe não significa impor regras. Como você se sentiria se fosse interrompido a cada cinco minutos por causa de “erros de postura que diminuem a produtividade”? Ou tomando uma bronca por estar “três minutos atrasado para a volta do almoço”? São exemplos esdrúxulos, mas explicam o que queremos dizer.

Em vez de reforçar regulamentos a cada segundo, pare e pense no que seria a melhor atitude naquele momento. Um bom gestor entende os momentos que pedem flexibilidade nas decisões.

Crie metas desafiadoras, mas possíveis

Muitos profissionais acabam perdendo de vista o longo prazo por dois motivos: não sabem quais são suas metas ou elas não foram bem planejadas. Por isso, surgem tarefas impossíveis de serem cumpridas ou que são infinitamente postergadas por parecerem algo que “pode ser feito depois”.

Primeiro, tenha certeza de esclarecer os resultados esperados de cada um. Não há como vencer uma corrida sem saber onde fica a linha de chegada, afinal. Por fim, mantenha um nível de desafio razoável, com recompensas condizentes. Nada é mais frustrante do que ter uma tarefa impossível à frente, cujo prêmio não vale o esforço.

Monte um ranking de desempenho

A competição, quando bem planejada, pode ser uma ferramenta de engajamento muito poderosa. Por isso ela é um elemento tão forte em várias plataformas de gestão e na gamificação. E um ranking que classifique os melhores colaboradores de determinado período é uma forma prática e eficaz de competição.

É importante destacar que não é necessário que haja apenas um vencedor. Pode haver várias categorias ou múltiplas premiações para os primeiros colocados. Ou mesmo um prêmio especial para alguém que se destacou em um momento-chave. O objetivo é fazer com que os funcionários se espelhem nos melhores, almejando o seu próprio crescimento.

Agora que você tem uma ideia de como promover um ambiente de liderança e motivação, é hora de intervir na sua empresa! Descubra também como jogos podem melhorar a integração dos seus funcionários e aumentar a produtividade do seu negócio.

Deixe um comentário