escrito por:
Karla Gondim

publicado em:
17 fev 2021

A gamificação no varejo: aplicações e vantagens

A versatilidade da gamificação tem despertado o interesse de empresas de diversos setores.

Os seus benefícios estão cada vez mais evidentes, tornando a gamificação um investimento necessário para a evolução de processos, pessoas e organizações.

Um dos setores que investe nos jogos corporativos é o varejo. Afinal, este mercado está repleto de desafios e oportunidades de crescimento.

Neste texto, vamos falar como a gamificação pode ser útil no dia a dia do varejo.

Por que aplicar a gamificação no varejo?

Primeiramente, devemos analisar o contexto do varejo.

O varejo visa vendas e lucratividade. Portanto, é preciso ter equipes preparadas para otimizar os negócios e aumentar o faturamento. Cada oportunidade, cada cliente, conta.

Em relação ao consumidor, o varejo foca cada vez mais em relacionamento para a fidelização. Neste caso, é preciso treinar as pessoas para que essa relação com o cliente seja cada vez mais próxima e duradoura.

Quanto ao ambiente de trabalho, o varejo é extremamente exigente com seus trabalhadores, assim como todo ambiente voltado a vendas e metas.

Neste caso, a versatilidade da gamificação, citada no início deste texto, é muito eficaz para desenvolver todos os aspectos apresentados até agora.

Então, como aplicar a gamificação no varejo?

A gamificação pode atuar em várias frentes no varejo.

Contudo, é preciso fazer uma análise do real objetivo dos jogos empresariais dentro da organização e em qual direção deverá atuar para que faça sentido para os colaboradores e os resultados realmente apareçam.

Por isso, listamos onde aplicar a gamificação no varejo. Veja a lista a seguir.

1. Em treinamentos

O treinamento corporativo é o ponto chave da gamificação no varejo. Afinal, com o desenvolvimento correto de habilidades, o colaborador ficará cada vez mais capacitado e preparado para vender, relacionar e fidelizar o cliente.

A gamificação é capaz de treinar não só capacidade vendas, como também as chamadas soft skills, responsáveis por desenvolver habilidades comportamentais fundamentais principalmente para o processo de vendas.

2. Em metas

O ambiente do varejo é repleto de metas. A gamificação neste caso é um facilitador destes objetivos.

A dinâmica dos jogos permite uma visualização e entendimento melhor por parte dos colaboradores. Além de sua narrativa personalizada, faz com que os usuários se engajem mais na atividade e desenvolvam as tarefas de forma mais produtiva.

3. Em relacionamento

Aqui é possível apontar dois benefícios da gamificação no varejo. Podemos falar tanto da melhoria do relacionamento entre equipes, gestores e líderes dentro da organização como um todo. Como também o relacionamento entre equipes de vendas e consumidores.

4. Em ambiente

Os efeitos da gamificação no varejo poderão ser sentidos no ambiente de trabalho. A dinâmica leve dos jogos empresariais proporciona confiança e segurança para que as pessoas executem as tarefas.

Da mesma forma, contribui para a competição saudável dentro da empresa, tornando equipes mais comprometidas com as metas, ajudando uns aos outros em suas atividades.

5. Em recompensas

A recompensa é uma característica forte da gamificação. No varejo, ela tem grande influência no sucesso da estratégia.

Portanto, recompensar os bons desempenhos na conclusão de tarefas é fundamental para manter o engajamento da equipe e, por consequência, estimular a produtividade da equipe.

Os benefícios da gamificação no varejo

Como vimos até agora, a gamificação no varejo tem grande potencial transformador de equipes e pode promover uma melhora considerável nos resultados da organização.

Por isso, devemos citar os benefícios que os jogos corporativos trazem para a empresa.

Equipes preparadas

Como foi dito, o treinamento corporativo capacitará os colaboradores para encarar as situações de trabalho com mais preparação e naturalidade.

Desta forma, será possível notar equipes com mais desenvoltura, focadas em relacionamento e, principalmente, vendas e fidelização de clientes.

Além de que estarão mais comprometidas com os resultados da empresa, buscando sempre bater e superar as metas estipuladas.

Reflexo nas vendas

Com equipes mais preparadas e pessoas treinadas para atender as necessidades dos clientes, as vendas tendem a aumentar, assim como a lucratividade.

Um bom relacionamento entre marca e cliente não só fideliza o atual consumidor, como também atrai novos.

Satisfação do cliente

Hoje é possível comprar com apenas um clique, sem interação com qualquer pessoa. Portanto, quem se disponibiliza a ir em um ponto físico, ou fazer uma compra virtual com o auxílio de um vendedor, espera um atendimento humano, preocupado e solícito.

A gamificação no varejo desenvolve esta habilidade do colaborador. Ou seja, são treinados para fazer o cliente sair cada vez mais satisfeito com a marca.

Reconhecimento de marca

Os ganhos financeiros são importantes, mas o reconhecimento de marca gerado pela gamificação no varejo é ainda mais fundamental.

Com colaboradores treinados para satisfazer e atender as necessidades dos clientes e equipes voltadas para a manutenção do bom relacionamento, a marca será vista com bons olhos pelos consumidores e pela sociedade como um todo.

Desta forma, seus ganhos institucionais também têm crescimento potencializado.

Conheça o universo da gamificação

Falamos bastante sobre como aplicar a gamificação no varejo e as vantagens que ela oferece pro segmento.

Agora é hora de sentir os resultados na prática.

Por isso, acesse a plataforma da Gamefic e faça o teste gratuito da ferramenta que vai potencializar sua equipe e melhorar os seus ganhos. 

Compartilhe


NEWSLETTER